Comprinhas na Sumirê – Granado, Hits e Passe Nati – Parte I

25 out

Oi gente, tudo bem?

Desde que comecei a trabalhar onde estou, fico de passar na filial de Pinheiros da Sumirê. Para quem não conhece, é uma perfumaria com sede em Santos, litoral de São Paulo, mas com alguns pontos na capital paulista.

Em matéria de preço, nem tudo é tão amigo, porém é bem mais garantido que irá encontrar os produtos antes ou com maior freqüência na Sumirê que em outros locais (diversas marcas nem são comercializadas na minha cidade).

Sexta finalmente fui conhecer a loja da rua Teodoro Sampaio. Cheguei lá no final da tarde e não saí com tudo que queria (motivo para eu voltar?). Então trouxe alguns itens e dividi em dois posts, ok?

Catchin!

Mammys queria um alicate de cutícula novo, porque o dela já estava perdendo a ponta. Não encontrei uma variedade enorme, então no final trouxe o que pensava mesmo:

Sou meio conservadora para algumas coisas e uma delas é alicate. Gosto dos da Mundial e prefiro usá-los sempre. Esse em específico é de inox, vem com a capinha (que mammys sempre perde) e custou R$ 24,99.  Achei caro, para ser bem sincera. E não vem escrito se já está amolado.

Estocando... Not!

No começo do ano comprei o Dilui, da Passe Nati, para deixar o roxinho da Colorama menos duro. E vou dizer, o produto é bom! Umas gotinhas e você vê na hora que muda a consistência. Tenho feito a mesma coisa com o Seche.

O problema é que esse item é lenda aqui no ABC, simplesmente não existe. Por pouco fiquei sem, já que havia somente essa embalagem e outra, com metade da quantidade (juro!) na prateleira. Custou R$ 3,25.

Esmalte, claro!

COMO que não saio de lá sem um vidrinho sequer? É pedir demais! Na verdade fui até a perfumaria procurando o Fast Fashion 03, da Risqué e o Hefesto, da Hits, mas não tinha nenhum dos dois. Nem havia dado muita atenção para a linha primavera/verão da Specialiità, só que ao vivo a coisa foi bem diferente.

Dela eu trouxe o Nina, esmalte de domingo e o Samantha:

Coral cremoso

Ambos possuem o pincel achatadinho, facilitando e muito a aplicação:

Qualquer Hits (cintilantes, flocados, cremosos, de novela e outros), com exceção da linha de holográficos, custava R$ 2,99. Aí sim eu achei que valia a pena porque aqui em SBC não sai por menos de R$ 3,50.

Achei que faltou a coleção Vale Encantado e bases da linha de tratamento, da Colorama, removedor Big Universo (amo!), Fast Fashion da Risqué, Elke e variedade de cores das marcas mais baratas, como Dote, Passe Nati, Guga e etc.

No próximo post conto a segunda parte das comprinhas, ok? Já venho!

Anúncios

Uma resposta to “Comprinhas na Sumirê – Granado, Hits e Passe Nati – Parte I”

Trackbacks/Pingbacks

  1. Comprinhas para as Unhas: Econômica « Boyish 'n Girly - 16/11/2011

    […] se lembram do post sobre a última ida à Sumirê? São esses AQUI e AQUI. Lá eu disse que procurava um esmalte e não o encontrava em nenhum lugar. Semana passada […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: