Arquivo | Literatura RSS feed for this section

Update – Leituras da semana

16 jun

Oi, gente! Tudo bem?

Hoje trouxe três dicas de livros mais leves, especialmente para quem não está muito interessado na Copa e prefere trocar a TV por uma boa leitura. Vejam só:

01 - Ele Está de Volta, Timur Vermes, Editora Intrinseca

– Ele Está de Volta, Timur Vermes, Editora Intrinseca:  reconheceu a figura da capa, né? Então imagine uma Berlim em 2011, com Adolf Hitler vivo e acordando em um terreno baldio. Como ele irá ver sua cidade e país, agora que não tem mais guerra, nem Eva Braun, nem seu partido nazista? Como lidar agora com o fato de que a Alemanha é chefiada por uma mulher?

Enquanto ele tenta provar quem é, a população acredita que ele não passa de um imitador com grande talento. Até que o discurso do ditador torna-se um viral e com audiência absurda no YouTube, fazendo com que Hitler ganhe um programa de TV e enorme audiência. Mas ainda precisa mostrar que ele está vivo.

02 - Man Repeller, Leandra Medine, Editora Novo Conceito

– Man Repeller, Leandra Medine, Editora Novo Conceito: para quem não associou o nome à pessoa, Leandra Medine é uma das blogueiras mais badaladas do mundinho fashion. Talvez seja por sua personalidade totalmente franca, que até cria problemas, mas o fato é que ela resolveu compartilhar sua história nessas páginas.

Com prefácio de Vic Ceridono, do blog Dia De Beauté, o livro traz detalhes da vida de Medine, como a perda de sua virgindade, além de passagens focadas em moda, porém sempre com algo pessoal. Misture a isso pitadas de acidez, amor e humor também, afinal nada precisa ser tão sério.

03 - Pequena Cozinha em Paris, Rachel Khoo, Editora Intrinseca

– A Pequena Cozinha em Paris, Rachel Khoo, Editora Intrinseca:  não sei vocês, mas desde que me propus a mostrar minhas tentativas na cozinha, tudo o que envolve preparo de pratos passou a chamar a minha atenção. E com esse livro não foi diferente. Nunca me arrisquei na culinária francesa mesmo, mas essa obra já fez meus olhinhos brilharem.

Aqui, a autora, fascinada pela culinária da Cidade Luz, resolveu se mudar para um apartamento local e testar a gastronomia parisiense. Para isso, ela se forma na Le Cordon Bleu, a mais consagrada escola de culinária da região e passou a criar a sua versão dos famosos pratos tradicionais. O legal desse livro é que traz 100 receitas, curiosidades sobre o preparo e detalhes da cidade mesmo, quebrando um pouco os mitos escondidos na gastronomia de Paris.

Agora é correr para a livraria!

Observação: imagens de divulgação.

Estou lendo – Bridget Jones – Louca Pelo Garoto

10 jun

Oi, gente! Tudo bem?

Há tempos não posto aqui o livro que estou lendo, né? Confesso que nessa correria toda acabei deixando a leitura um pouco de lado, mas aos poucos retomo o hábito (ou vicio?). Ultimamente, ando pela casa em companhia de:

01 - Livro

Ainda não li os dois outros títulos que a autora, Helen Fielding, escreveu sobre a personagem (“O Diário de Bridget Jones” e “Bridget Jones – No Limite da Razão”), me atendo somente aos filmes. E os adoro, acho que todas as mulheres se sentem meio como a personagem, que tem a pressão da família por um casamento ideal, amigos malucos, um emprego em que não é valorizada e dilemas sentimentais. Quem nunca deu um show como na cena de “All By Myself” ou, no caso dos jornalistas, foi colocado em pautas absurdas?

Me parece que farão a adaptação deste título para o cinema e, antes de esperar a definição, resolvi comprar e ver como Bridget é mostrada no papel. Li muita gente revoltada pela forma em que Fielding mostra a protagonista, agora em outra fase da vida, porém eu estou gostando. É a mesma Bridget: atrapalhada, desbocada, insegura, reclamona, dramática… E adorável.

SPOILER – SE VOCÊ NÃO QUER SABER DA SINOPSE, PARE DE LER AGORA – Agora ela tem um novo diário, anos após o casamento com Mark Darcy, com dois filhos pequenos e viúva de seu grande amor. Jones vive uma nova crise, tentando voltar ao mercado de trabalho, cuidar da casa e dos pequenos, se redescobrindo como mulher (lutando para perder os quilos adquiridos na gravidez, se manter longe do cigarro e sem se jogar no vinho de uma vez por todas) e tentando lidar com a tecnologia.

Seus amigos continuam por perto e, assim como sua família, acham que Bridget precisa começar a sair mais, conhecer gente… E acontece quando ela encontra um rapaz de jaqueta de couro em um bar. Estou bem nessa fase, então não posso adiantar como a nossa “heroína” irá lidar com a questão.

O que acho legal é a forma que Fielding constrói a leitura. Além de parecer um diário mesmo, com os horários das atividades, o texto é escrito de forma bem despretensiosa, com gírias, dúvidas, palavrões no meio… Assim como fazíamos nos nossos. Bridget se contradiz, muda de assunto, se distrai, promete algo e dali a cinco minutos muda de ideia… O que a traz mais para perto de nós e a deixa humana e passível de erros e acertos.

Não sei como a história irá se desenvolver e pode ser que não goste de como ela será conduzida, mas até agora achei bem interessante. E fiquei curiosa em saber como são os outros dois livros da série (claro que vou acabar comprando). De qualquer forma, acredito que seja uma dica válida para aqueles momentos em que você quer ler algo mais leve e se identificar com a protagonista, sem querer ser politicamente correta.

Você pode encontrar “Bridget Jones – Louca Pelo Garoto” em qualquer livraria física e virtual, como AQUI, AQUI, AQUI, AQUI e AQUI. E boa leitura!

Update – Leituras da Semana

2 jun

Oi, gente! Tudo bem?

Hoje trouxe três sugestões de livros, de gêneros diferentes. Alguns deles já chegam às livrarias por esses dias, então fiquem de olho!

01 - A Bibliotecária de Auschwitz, Antonio G. Iturbe, Editora Nova Fronteira

– A Bibliotecária de Auschwitz, Antonio G. Iturbe, Editora Nova Fronteira: como informado na capa do livro, o romance é baseado em uma história real. Para quem não sabe ou não se lembra, Auschwitz fica na Alemanha e durante a Segunda Guerra Mundial foi o maior campo de concentração nazista, onde milhares de judeus, húngaros, soviéticos e qualquer outra pessoa que pudesse ser “inimiga” ao reich de Hitler durante o Holocausto. Sentiram a dor, né?

Pois bem, nessa obra, Iturbe traz a história de Fredy Hirsh, um professor judeu, que criou secretamente uma escola dentro do bloco 31 do campo de concentração. Ele chegou a ter 500 alunos em suas turmas, todas elas de crianças. E também foi o responsável pela fundação de uma pequena biblioteca, aqui contando com o apoio de Dita Dorachova, uma garota de 14 anos que, para ajudar, escondia livros embaixo de seu vestido. Prepare os lencinhos, porque vai ser difícil não se emocionar aqui.

02 - O Artífice - Um Detetive, Um Monge Budista e um Assassino, Tony Ferraz, editora Universo dos Livros

– O Artífice: Um Detetive, Um Monge Budista e Um Assassino, Tony Ferraz, Editora Universo dos Livros: mas se você prefere algo em ficção mesmo, hoje também tem a dica de um livro nacional de terror e suspense. O autor é um grande fã da filosofia e cultura oriental, por isso mistura aspectos zen-budistas e taoista em meio a uma história policial. Inclusive, ele recomenda ler o livro à noite (hmmm? Insônia à vista?).

Mas falando do livro. Aqui temos um assassino, que a mídia o chama de Artífice, que acaba com suas vítimas de forma incrivelmente elaborada, a ponto de a polícia de Londres não conseguir resolver os casos, nem prendê-lo. Aí temos Haryel Kitten, um detetive que ama o trabalho e é bastante reconhecido em sua área. O caso vai parar em suas mãos e ele começa a investigar os passos do serial killer, mesmo colocando em risco sua vida. Quanto mais ele se aprofunda no caso, menos entendo o que se passa.

03 - Não Se Apega, Não - Isabela Freitas, Editora Intrinseca

– Não se Apega, Não, Isabela Freitas, Editora Intrínseca: indo para algo mais leve, a última dica de hoje é um livro de autoajuda. Calma, antes de me crucificarem ao som de “The Ballad of John and Yoko”, prestem atenção. O que Freitas pretende aqui é treinar a arte do desapego, quando tiramos de nossas vidas o que deixa nosso coração mais pesado, seja um relacionamento que não vai parar frente, pessoas que não nos complementam, um amor improdutivo…

Ela se coloca como protagonista aqui, partindo do momento em que toma a decisão de terminar seu relacionamento de dois anos com Gustavo, aquele que todas querem. Como eram conhecidos por serem um casal perfeito, daqueles de propaganda de margarina, as pessoas passaram a criticar a atitude da autora. Mas só ela sabia o que sentia (ou não sentia) e as consequências de sua decisão. Era a hora de cuidar de si mesma. Nesse meio, Isabela ainda lida com as investidas de um primo, as tentações na balada e com a questão de que príncipe encantado, perfeito, não existe.

Semana que vem eu volto com mais dicas!

Observação: imagens de divulgação.

Update – leituras da semana

19 maio

Oi, gente! Tudo bem?

Que tal começarmos a semana – útil – com algumas sugestões de leitura? Hoje trouxe três obras bem interessantes, sendo uma delas uma ótima ideia de presente para fãs de cinema, ficção científica ou mesmo nerds. Vejam só:

01 - Star Wars - A Trilogia - Special Edition

– Star Wars: A Trilogia – Special Edition, Donald F. Glut, George Lucas, James Kahn, editora Darkside Books: só eu ouço o nome do filme e já me vem em mente a trilha sonora do Darth Vader (a “Marcha Imperial”)? Mas voltando à caixa especial, temos aqui toda a história clássica em edição de luxo, com os romances inspirados nos três primeiros longas de George Lucas: “Uma Nova Esperança”, “O Império Contra-ataca” e “O Retorno de Jedi”. Eles até nem são novidades, mas essa é a primeira vez em que os três títulos são lançados juntos, em edição com capa dura, em volume único. Ou seja, para os fãs é algo obrigatório e essencial.

02 - Os Três, Sarah Lotz

– Os Três, Sarah Lotz, editora Arqueiro: saindo um pouco da ficção científica, temos o novo trabalho de Lotz, que também atua como roteirista e autora de romances mais macabros. Ela também costuma adotar pseudônimos ou nomes falsos, como SL Grey e Lily Herne, para os livros de terror e Helena S. Paige para histórias eróticas.

Em “Os Três”, temos um cenário sombrio, quando quatro aviões caem quase que instantaneamente, em quatro locais diferentes do planeta. Somente quatro pessoas sobrevivem, sendo três crianças. Embora apareçam estar em perfeitas condições, elas passaram por uma transformação. Além delas há Pamela May Donald, que sobrevive o suficiente para deixar um alerta em seu celular, daqueles que podem mudar o mundo.

03 - Briga de Cachorro Grande - Como a Apple e o Google Foram à Guerra e Começaram uma Revolução, Fred Volgstein

– Briga de Cachorro Grande: Como a Apple e o Google foram à Guerra e Começaram uma Revolução, Fred Vogelstein, editora Intrinseca: ufa, depois desse nome gigante, o livro tem que ser interessante, né? Vamos voltar ao ano de 2000, quando o Whatsapp era um sonho e todo mundo usava o SMS. Desde então, duas empresas disputam cada fatia do mercado, inclusive “engolindo” uma à outra: a Apple e o Google. Suas batalhas vão além das vendas e da tecnologia, parando até mesmo em tribunais.

Fred Vogelstein, um jornalista, foi um dos profissionais a acompanhar essa briga desde o começo e no livro ele mostra toda a estrutura das companhias, suas associações estranhas, o ambiente de trabalho nada favorável e o objetivo quase doentio da vitória. Inclui-se aí as famosas discussões sobre plágios, os acordos, processos judiciais que impactaram na forma que a comunicação é feita hoje. Nesse meio todo de revelações e bastidores, temos amizades criadas e desfeitas, traições, “puxadas de tapete” e jogos de interesse.

Semana que vem eu volto!

Observação: imagens de divulgação.

Update – Leituras da semana

5 maio

Oi, gente! Tudo bem?

Hoje trouxe poucas sugestões de leitura, porém bastante variadas e interessantes. Espero que gostem!

01 - Misery, Stephen King

– Misery, Stephen King, Editora Objetiva: um dos maiores nomes da ficção e suspense está de volta, incansável como sempre. Dessa vez ele traz como personagem principal Paul Sheldon, um famoso escritor que produziu a série de best sellers protagonizados por Misery Chastain e que descobriu três coisas de forma praticamente simultânea, após escapar de uma nuvem escura. Uma das revelações era que Annie Wilkes possuía um grande estoque de analgésicos. A segunda, que ela os tinha por ser viciada nos medicamentos. E a terceira era que Wilkes era louca. Insana, no nível perigoso da loucura.

Quando Sheldon termina de escrever seu novo livro, ele sai para comemorar, mesmo enfrentando uma forte nevasca. Porém, ele derrapa e sofre um grave acidente com seu carro, sendo resgatado pela enfermeira aposentada de nome… Annie Wilkes. À princípio simpática e grande fã dos livros do autor, ela revela aos poucos um lado mais perigoso, principalmente depois de ler o desfecho do último livro com Chastain. Inconformada, ela isola Sheldon em um quarto, torturando-o e o ameaçando até que ele escreva um novo final, considerado correto por Wilkes. E é então que o autor precisa vencer suas dificuldades para preservar sua vida e suas histórias.

02 - Princesa Adormecida, Paula Pimenta

– Princesa Adormecida, Paula Pimenta, Editora Galera: ainda na ficção, temos o novo trabalho da escritora mineira, que começou a escrever em 2001, com a compilação de poemas chamada “Confissão”. Ela também é a autora das séries “Fazendo Meu Filme” e “Minha Vida Fora de Série” e do livro de crônicas “Apaixonada por Palavras”. Também participou da antologia “O Livro das Princesas”.

Então, nesta obra, ela se é a princesa, ou ao menos passa a ser conhecida como tal. No entanto, sua vida não é glamourosa e cheia de romances como lemos nos clássicos infantis. Ela vivia com tios superprotetores, tinha boas notas na escola, acompanhava seu grupo de amigas… Como qualquer garota. Até que ela descobre que nada em sua vida era como ela imaginava, que nem mesmo as pessoas eram reais. E agora?

03 - Todo Dia É Segunda-Feira, José Mariano Beltrame

– Todo Dia É Segunda-Feira, José Mariano Beltrame, Editora Sextante: e a nossa última sugestão é um livro bem diferente do que costumamos ver aqui. O autor é secretário da Segurança Pública do Rio de Janeiro desde 2006, quebrando os padrões de seus antecessores, que não duravam mais que três anos no cargo. Acontece que ele aceitou assumir o cargo em um momento de extrema violência no estado e hoje é o secretário mais conhecido no setor.

Ao longo das páginas, ele compartilha suas experiências e frustrações, além dos bastidores do cargo e o relato da reunião ocorrida antes da ocupação do Complexo do Alemão, em 2010. Beltrame também explica a fundação das Unidades de Polícia Pacificadora (as UPPs), que vieram para acabar o tráfico de drogas na região, combatendo as milícias e questões políticas que reinavam nos morros cariocas.

Semana que vem tem mais!

Observação: imagens de divulgação.

Update – Leituras da semana

21 abr

Oi, gente! Tudo bem?

Hoje trouxe sugestões de leitura que têm algo em comum: são boxes de livros. Isso significa que pode ser um pouco mais caro que comprar somente um título, mas pode ser uma boa opção de presente (Dia das Mães é daqui há menos de 20 dias, acreditam?) ou para colecionar mesmo.

Sem contar que às vezes levar os 3 ou 4 itens juntos pode sair mais em conta que separados, né? Pois bem, vamos às dicas de hoje:

01 - Cientistas e Inventores

– Mortos de Fama: Cientistas e Inventores, Editora Seguinte: com cinco volumes, a coleção traz curiosidades sobre 19 grandes nomes da ciência, com suas descobertas, experimentos, frustrações, manias e e particularidades de cada um deles, como o fato de Einstein ter sido expulso da escola e Isaac Newton quase ter perdido a visão ao colocar um palito em seu olho. Está aí uma ótima oportunidade de descobrir ou incentivar a leitura e o estudo das ciências pelas crianças e adolescentes.

02 - As Crônicas de Gelo e Fogo + O Cavaleiro dos Sete Reinos

– As Crônicas de Gelo e Fofo + O Cavaleiro dos Sete Reinos, George R.R Martin, Editora Leya: com seis livros no formato de bolso, temos aqui toda a história do reino de Westeros. Estamos falando de mais de 30 milhões de livros vendidos ao redor do mundo, sendo 2 milhões somente em solo nacional. Então, além da saga completa, a editora traz o recém lançado “O Cavaleiro dos Sete Reinos”, com três contos que mostram o reino antes da Guerra dos Tronos, para que fique tudo bem explicado.

03 - Caixa Scott Pilgrim Contra o Mundo

– Scott Pilgrim Contra o Mundo, Bryan Lee O’Malley, Editora Quadrinhos na Cia: com três livros, o box conta toda a vida de Scott Pilgim, que, aos vinte anos, se diverte entre o ócio do desemprego e os ensaios de sua banda, a Sex Bob-Omb. Até que chega Ramona Flowers, uma americana que acaba de desembarcar no Canadá, terra do protagonista.

Os dois passam a namorar e a lidar com o passado da garota, de forma bastante literal. Isso inclui a Liga dos Ex-Namorados do Mal de Ramona, liderada por Gideon, que precisa ser derrotada. São sete ex que desafiarão Pilgrim para uma luta, enquanto ele precisa lidar com relacionamentos de seu próprio passado e as questões do cotidiano.

04 - O Universo de Milan Kundera

– O Universo de Milan Kundera, Milan Kundera, Editora Companhia De Bolso: e a nossa última sugestão de hoje é essa caixa, que contém 5 livros de um dos maiores nomes da literatura europeia, sendo eles:

– A Insustentável Leveza do Ser, sua maior obra-prima, com a história de quatro adultos que não têm limites para viver o erotismo que querem para si;

– A Identidade, um romance em que Kundera mostra uma mulher de grande beleza, porém não mais no auge de sua juventude. É nesse estágio da vida dela que o autor discursa sobre a questão da identidade e de questões da nossa vaidade;

– A Brincadeira, de 1967, que aborda a iniciativa de um estudante ao enviar um cartão-postal com uma brincadeira irônica sobre o comunismo. Ele é condenado a cumprir uma longa pena de serviços braçais, que o força a querer se vingar, convivendo com a diferença e a proximidade do ódio e do desejo sexual;

– A Lentidão, que foi o primeiro livro feito pelo autor em narrativa na língua francesa, Kundera apresenta uma investigação mesclada com ficção, romance e até mesmo metafísica, seguindo os passos de Voltaire, por exemplo;

– Sete Contos de Risíveis Amores, que chegou ao Brasil somente em 2001, o autor se livra da seriedade e pudor que via o amor e a sexualidade, escancarando os sentimentos.

Agora é só escolher! Semana que vem volto com mais ideias!

Observação: imagens de divulgação.

Update – Leituras da semana

7 abr

Oi, gente! Tudo bem?

Hoje trouxe poucos, porém variados livros que chegam às lojas por estes dias. Tem para todos os gostos, vejam só:

01 - Antes de Dizer Adeus

– Antes de Dizer Adeus, Susan Spencer-Wendel, Editora Sextante: me lembro de ter lido uma resenha sobre este título semana passada e o achei bastante interessante. Algo como um “A Culpa É das Estrelas”, porém real, sabem? A autora é a personagem principal deste drama, que se passa em junho de 2011, quando ela foi diagnosticada como portadora de esclerose lateral amiotrófica (ELA), ou doença de Lou Gehrig. A ELA é uma condição degenerativa, progressiva e responsável por destruir os nervos que estimulam os músculos de nosso organismo.

Acontece que ela tinha somente 43 anos, um marido e três filhos e apenas um ano de vida saudável pela frente quando recebeu a notícia. E ela resolveu vivê-lo. Largou o emprego de jornalista, ficou ao lado da família e criou um espaço de convivência no quintal de sua casa para receber os amigos, além de planejar sete viagens com as principais pessoas de sua vida. E ela aproveita cada momento para compartilhar uma história cheia de alegria, companheirismo, atenção e otimismo, além de muita força. Ou seja, preparem os lencinhos que vocês vão se emocionar!

02 - The 100

– The 100, Os Escolhidos, Kass Morgan, Editora Galera Records: o livro que inspirou a série de mesmo nome chega às livrarias brasileiras. Na ficção, temos um cenário de um planeta Terra arrasado, no qual as pessoas passaram a viver em espaçonaves distantes de seu planeta. Porém a população está em crescimento e os recursos se esgotando (qualquer semelhança com o cenário atual é mera coincidência?). Para resolver a questão, os governantes enviam cem jovens delinquentes para tentar recolonizar a Terra, dando a eles uma segunda chance ou a oportunidade da total destruição.

03 - O Livro das Religiões

– O Livro das Religiões, Editora Globo: e a última dica de hoje é para os estudiosos ou curiosos sobre religiões. Não é uma obra que tenta te convencer que essa ou aquela crença possa ser melhor, mas sim te fazer entender as origens e principais pontos pregados. Mesmo em um mundo tão materialista e descartável, ainda temos 3/4 da população mundial afirmando seguir algum tipo de religião.

Por isso, nessas páginas você encontrará alguns questionamentos sobre o tema, além de respostas para elas. O livro segue a coleção As Grandes Ideias de Todos os Tempos, com títulos como O Livro da Filosofia, O Livro da Psicologia, O Livro da Economia e O Livro da Política e que tem recebido bastante destaque pelas altas vendas. No caso deste, foram recrutados especialistas em diversas áreas, como filosofia, mitologia, folclore, estudos bíblicos e até mesmo religiões abraâmicas, com conteúdo organizado em ordem cronológica.

Agora é só escolher!

Observação: imagens de divulgação.